Micron, Kohl’s, Meta Platforms e muito mais

Micron, Kohl’s, Meta Platforms e muito mais

Confira as empresas que fazem manchetes nas negociações do meio-dia.

Micron Technology – As ações da fabricante de chips caíram 3% depois que a empresa divulgou uma orientação fiscal decepcionante para o quarto trimestre e disse que o enfraquecimento da demanda do consumidor prejudicará as vendas de smartphones. O aviso derrubou outras ações de chips, que estavam entre as que mais caíram no S&P 500. Western Digital e On Semiconductor perderam 3,2% e 6,9%. Nvidia, Qualcomm e Advanced Micro Devices recuaram mais de 3%.

Kohl’s – As ações da varejista caíram 19,6% depois que a Kohl’s confirmou um relatório da CNBC de que havia cessado as negociações com o Franchise Group, dizendo que o ambiente de varejo piorou desde o início da licitação. A Kohl’s também cortou suas perspectivas para o trimestre atual.

Meta Platforms – As ações da Meta Platforms fecharam em queda de 0,8% após a notícia de que está cortando seus planos de contratação de engenheiros enquanto se prepara para uma possível desaceleração. O CEO Mark Zuckerberg disse que “uma das piores crises que vimos na história recente” está à frente, de acordo com uma gravação ouvida pela Reuters.

FedEx – As ações da FedEx caíram 1,4% depois que Berenberg rebaixou as ações de transporte e cortou sua meta de preço, citando pressões inflacionárias crescentes à frente.

Intel – As ações de semicondutores caíram na sexta-feira, com as ações da Intel caindo cerca de 3%. A Intel adiou os planos para começar a construir fábricas de chips em Ohio este mês, enquanto espera que o Congresso aprove uma legislação que dê um impulso à indústria de semicondutores dos EUA.

Coupang – Coupang subiu 18% depois que o Credit Suisse elevou as ações da empresa sul-coreana de comércio eletrônico para “superar” de “neutra”.

— Tanaya Macheel e Sarah Min da CNBC contribuíram com reportagem

VER MATÉRIA ORIGINAL

Ismael Inacio