Os futuros das ações estão suspensos antes do relatório de empregos de outubro – Emprego e Concurso TOP

Os futuros das ações estão suspensos antes do relatório de empregos de outubro

Os futuros das ações estão suspensos antes do relatório de empregos de outubro

Um trader especialista trabalha em um estande no pregão da Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) na cidade de Nova York, em 6 de outubro de 2021.

Brendan McDermid | Reuters

Continua após a publicidade..

Os futuros de ações ficaram praticamente estáveis ​​nas negociações da madrugada de quinta-feira, antes do altamente antecipado relatório de empregos de outubro.

Os futuros do Dow Jones Industrial Average caíram 24 pontos. Os futuros do S&P 500 pouco mudaram e os do Nasdaq 100 estavam perto da linha plana.

Os investidores estão aguardando a divulgação dos números da folha de pagamento não agrícola de outubro na manhã de sexta-feira. As estimativas do consenso apontam para 450.000 empregos adicionados, de acordo com a Dow Jones. O relatório de setembro registrou 194.000 empregos adicionais, muito aquém da estimativa de 500.000.

“Os números da folha de pagamento de amanhã se tornam ainda mais significativos, já que é o primeiro mês completo de contratações após o vencimento dos benefícios federais aumentados de desemprego, enquanto a saúde pública melhorou simultaneamente e a demanda por trabalho permaneceu forte”, disse Chris Hussey, do Goldman Sachs, na quinta-feira.

O pregão regular de quinta-feira viu o S&P 500 ganhar 0,4%, fechando em uma alta recorde em seu sexto dia consecutivo de vitórias. O Nasdaq Composite marcou sua nona sessão positiva consecutiva, subindo 0,8% para um fechamento recorde. O índice Dow Jones contrariou a tendência e caiu 33,35 pontos.

O setor de tecnologia liderou o S&P 500, com alta de 1,5% na quinta-feira. O setor financeiro ficou para trás com uma perda de 1,3%.

Os participantes do mercado digeriram o plano do Federal Reserve de começar a reduzir sua ajuda à pandemia até o final de novembro, colocando o banco central no caminho certo para encerrar seu programa de compra de ativos em meados do próximo ano.

Os investidores também receberam uma nova leitura do mercado de trabalho na quinta-feira, já que os primeiros pedidos de auxílio-desemprego totalizaram 269.000 na semana passada, o menor total da era pandêmica e menor do que o esperado.

Todas as três principais médias estão a caminho de terminar a semana em alta. O Dow subiu 0,9% na semana, enquanto o S&P 500 subiu 1,6% e o Nasdaq Composite subiu 2,9%.

VER MATÉRIA ORIGINAL

Ismael Inacio